Título - Notícias Carreiras

Notícias

Carreiras

Caminho de Navegação

Teste

No meu tempo era assim...

Nada como lembrar da nossa infância, né? E o Dia das Crianças é a data perfeita para isso!

Aqui na Hepta resolvemos promover a nostalgia e as boas lembranças com a ação “No meu Tempo Era assim...”, que pede aos colaboradores para compartilhar suas histórias e fotos de infância.

Como forma de homenagear esses tempos que não voltam mais, publicamos algumas dessas histórias e convidamos cada um a lembrar também de sua infância com aquele gostinho de saudade.

A paixão por motos vem desde criança, quando ainda era bicicleta. 

Hudson Ricardo Breder Mota

Técnico de Suporte - Brasília/DF

 

No meu tempo era assim... fralda de pano, o terror das mamães de hoje! Sempre com um sorriso no rosto. 

Paulo César Pereira de Oliveira

Supervisor de Atendimento - Brasília/DF

 

No meu tempo era assim, uniforme da escola era composto por um par de conga, o uniforme de jardineira e a capanga jeans carregando a inocência de uma criança!

Ana Lídia Pereira 

Gestora de Contratos - Brasília/DF

 

Passava o dia no pequeno pomar do meu avô "Custódio" comendo frutas direto do pé.
Gostava do Balão Mágico, Raul Seixas e ABBA. Só música boa...
Ah! E claro, fazia umas experiências com folhas de plantas com objetivo de criar algo corrosivo.
O sonho de consumo era ter um Conga (tênis).
Apesar de ser um tempo muito difícil financeiramente, ficou aquele gostinho maravilhoso da infância que não volta mais. 

Emerson Santiago Venâncio

Técnico de Suporte – Juiz de Fora/MG

 

Brincávamos na areia, no quintal, e em todo lugar. Não existiam brinquedos eletrônicos e muito menos a era digital!
O importante era brincar.
Era uma vida saudável, cheia de alegria e sem preocupações!
Não tinha hora para acordar, o único compromisso era a hora do almoço, do banho e do jantar. O resto era só alegria, brincadeira todo dia!

José Eduardo Godoi Alves

Gestor de Contrato – Brasília/DF

 

Nos anos 90 a Parmalat lançou uma campanha marcante com crianças vestidas de diversos animais. Na época, todo mundo queria ser um “Ursinho da Parmalat” e os meus pais aproveitaram a moda para vestir eu e os meus irmãos com as fantasias.

Ida de Oliveira Costa

Analista de Comunicação Jr. – Brasília/DF

 

Nessa foto eu tinha 2 anos e 11 meses e estava “fugindo” de casa. Eu não ficava quieto e vivia me aventurando sem ter medo do desconhecido (era falta de juízo mesmo). Fui uma criança ativa, um "maloqueiro de rua", gostava de futebol, vôlei, basquete, bola de gude, pião, pipa, esconde-esconde, pegava manga no sítio, entre outros... Aprendi de tudo na rua durante a minha infância. 

Valdir Alexandre Faustino da Silva

Técnico de Suporte – Recife/PE

 

 

 

Publicador de Conteúdos e Mídias

Dia das Crianças
Uma homenagem aos colaboradores do #TimeHepta
Dia dos carecas
Uma homenagem aos carequinhas convictos do #TimeHepta
Mulheres Gerentes de Projeto
Vera Primão é a única mulher na equipe de Gestão Projetos e se destacou no processo seletivo em que 72% dos candidatos eram homens.